Métodos de extração dos óleos essenciais – VERDEINBOX
477
post-template-default,single,single-post,postid-477,single-format-standard,wp-custom-logo,theme-wellspring,mkdf-bmi-calculator-1.1,mkd-core-1.3.3,woocommerce-no-js,wellspring-ver-2.4.2,mkdf-smooth-scroll,mkdf-smooth-page-transitions,mkdf-ajax,mkdf-blog-installed,mkdf-header-standard,mkdf-sticky-header-on-scroll-down-up,mkdf-default-mobile-header,mkdf-sticky-up-mobile-header,mkdf-dropdown-animate-height,mkdf-full-width-wide-menu,wpb-js-composer js-comp-ver-6.4.1,vc_responsive

Métodos de extração dos óleos essenciais

Os óleos essenciais de uma planta encontram-se em pequenas bolsas na superfície da folha, da flor ou da casca da fruta ou, então, no interior da semente, da raiz ou da casca da árvore.

Ao dobrar um pedaço de casca de limão, percebe-se a secreção de uma intensa fragrância característica: isso indica que as bolsas se romperam, liberando o óleo.

O mesmo acontece ao esfregar folhas de uma erva entre os dedos.

A produção de um óleo essencial envolve entre vários métodos para romper tais estruturas e coletá-lo.

MÉTODOS DE EXTRAÇÃO DOS ÓLEOS ESSENCIAIS


A escolha de um ou outro depende do tipo de material vegetal de onde a substância será extraída.
Algumas flores por exemplo, são muito delicadas e seu óleo seria destruído pelo calor usado no mais comum, a estação a vapor.
Essas plantas, portanto, exigem uma técnica especial de produção de óleo, conhecida como extração absoluta.

Há 4 métodos principais:


1 – destilação a vapor, mais usado;
2 – prensagem, para obter o óleo da casca de frutas;
3 – extração absoluta, para produzir óleos de flores muito delicadas;
4 – extração com CO2, um novo método em desenvolvimento.

Comment